Incêndios florestais: UE ajuda Portugal

 
A Comissão Europeia ajudou a mobilizar um apoio substancial a Portugal através do mecanismo de Proteção Civil da UE, após um pedido de assistência para o combate a incêndios florestais no país. Espanha ofereceu mais de 120 bombeiros, 27 veículos e três aviões de combate a incêndios que atualmente operam em áreas afetadas.
 
«Ajudar Portugal neste momento é uma prioridade para a UE. Agradeço a Espanha por disponibilizar apoio rapidamente através do Mecanismo Europeu de Proteção Civil. Este é um exemplo da solidariedade europeia no seu melhor. O nosso Centro de Coordenação de Resposta de Emergência em Bruxelas, que monitoriza permanentemente os desastres naturais, está em constante contacto com as autoridades de proteção civil portuguesas e segue todos os desenvolvimentos. Deixem-me louvar todos os que estão a combater este flagelo, em Portugal e em toda a Europa. Estão a enfrentar um verão muito difícil e a sua dedicação e coragem são um exemplo para todos», disse o Comissário europeu para a Ajuda Humanitária e Gestão de Crises, Christos Stylianides. 
 
Esta foi a segunda vez que Portugal ativou o Mecanismo de Proteção Civil da UE neste verão, após os incêndios mortais de junho. O Centro de Coordenação de Resposta de Emergência da Comissão Europeia, que funciona 24/7, acompanha de perto o risco de incêndio florestal em toda a Europa e neste verão já apoiou Portugal, França, Itália, Montenegro e Albânia.
 
A Comissão Europeia oferece o cofinanciamento de 85% dos custos de transporte aos países que oferecem apoio através do Mecanismo de Proteção Civil.
 

Ligue-se a nós

 Facebook

 Twitter

 Youtube

 

Financiado por

 
 
 
 
 

Contactos

ADRAL
Rua Intermédia do PITE, 

Lt 4 e 6 7005-513 Évora
Tel (+351) 266 769 159
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.