Dia Internacional da Mulher 2018

 
A igualdade entre mulheres e homens é um dos valores fundamentais da União Europeia consagrado nos Tratados. 
 
A União Europeia é pioneira na luta contra a discriminação com base no género e podemos sentir-nos orgulhosos dos progressos alcançados: a Europa é uma das regiões do mundo mais seguras e mais igualitárias para as mulheres. 
 
Mas a nossa ação não pode ficar por aqui – o caminho para uma igualdade plena e efetiva ainda é longo. As mulheres e as raparigas continuam a ser vítimas de assédio, de abusos e de violência. Com salários mais baixos e menos oportunidades de progressão na carreira e de desenvolvimento empresarial, as mulheres continuam a não conseguir quebrar o «teto de vidro».
 
Queremos que as raparigas e as mulheres alcancem a igualdade em todos os aspetos da vida: acesso à educação, salário igual para trabalho igual, acesso às posições de topo nas empresas e na política e proteção contra a violência.
 
Promover a liderança e a emancipação económica das mulheres é para nós uma prioridade absoluta. A União Europeia propôs uma nova legislação destinada a melhorar a conciliação entre a vida profissional e a vida privada dos progenitores e prestadores de cuidados que trabalham, bem como um Plano de Ação para colmatar as disparidades salariais entre homens e mulheres; O que pretendemos é que o nosso exemplo seja seguido: em fevereiro de 2018, a percentagem de mulheres que ocupam cargos de chefia na Comissão Europeia chegou aos 36%, ou seja, mais 11% do que em novembro de 2014, data da entrada em funções da atual Comissão. O Presidente Jean-Claude Juncker comprometeu-se a alcançar os 40 % até 31 de outubro de 2019, final do seu mandato. 
 
Ao promovermos a igualdade de género e o empoderamento das mulheres, estamos a defender a mesma coerência em todos os aspetos das nossas políticas, tanto no âmbito da UE como na ação externa. A nossa estratégia contribui para o êxito, à escala mundial, da consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e da agenda para as mulheres, a paz e a segurança. Este ano, as Jornadas Europeias do Desenvolvimento centrar-se-ão no papel essencial das mulheres e das raparigas no desenvolvimento sustentável, bem como na sua participação e liderança, em condições de igualdade, em todas as esferas da vida. Além disso, este ano, a UE lidera o «apelo à ação para a proteção contra a violência fundada no género», que reúne 60 países e organizações empenhados em garantir que o problema da violência fundada no género seja abordado nas crises humanitárias.
 
A igualdade de género não é só uma questão de equidade e de justiça na Europa — é também necessária para se alcançar a paz duradoura, a segurança, o desenvolvimento, a prosperidade económica e o crescimento no mundo. 
 
O investimento no potencial das mulheres e das raparigas é um investimento em toda a sociedade, cuja responsabilidade não incumbe apenas às mulheres e às raparigas mas também aos homens e aos rapazes.
 
 

Dez anos do REACH: produtos químicos mais seguros para os consumidores, os trabalhadores e o ambiente

Ao longo dos últimos dez anos, o principal diploma legislativo da UE sobre produtos químicos («REACH») melhorou significativamente a proteção da saúde humana e do ambiente e promoveu alternativas aos ensaios em animais. Com base nesta experiência, a Comissão propõe ações com vista a facilitar a sua implementação. 

Os produtos químicos estão presentes em todos os aspetos das nossas vidas, no local de trabalho, mas também em bens de consumo, como vestuário, brinquedos, mobiliário e aparelhos elétricos. São essenciais no nosso dia-a-dia, mas certas substâncias podem apresentar riscos para a saúde humana e o ambiente. 

O reexame do REACH publicado  revela que, graças ao regulamento relativo ao registo, avaliação, autorização e restrição dos produtos químicos (REACH), as empresas e as autoridades da UE garantem uma utilização segura dos produtos químicos e a eliminação progressiva das substâncias perigosas.

Semana Europeia das Startups

Começa dia 5 de março a terceira edição da Semana Europeia das Startups, combinando centenas de eventos em toda a Europa e para além das suas fronteiras. 

A Semana Europeia das Startups é agora organizada em mais de 50 países, com mais eventos a nível mundial em África, Médio Oriente e América Latina. A iniciativa tem por objetivo informar os empresários do apoio e dos recursos disponíveis a nível regional e urbano. Em 2017, a Semana Europeia das Startups alcançou, com a ajuda de mais de 280 coorganizadores em mais de 40 países, mais de 100 000 empresários em toda a Europa.

Mais informações sobre a Semana Europeia das Startups estão disponíveis neste site Web.

Ano Europeu do Património Cultural

 
Realizou-se no passado dia 1 de março, no Bar Horas Incertas, uma tertúlia acerca do Ano Europeu do Património Cultural, onde se discutiu a importância do Património Cultural  para o desenvolvimento da região Alentejo e da Europa. 
O Diálogo focou-se também na gastronomia como património cultural do Alentejo, e ne o processo de certificação do pão alentejano. 
Durante todo o evento foram degustados uma serie de produtos gastronómicos tipicamente alentejanos e o evento contou também com a participação do Grupo Coral Feminino Cantares de Alcáçovas.
 
 

Concurso «Elevator Pitch – IdeiasQueMarcam» 2018

 
A Representação da Comissão Europeia em Portugal já lançou o concurso «Elevator Pitch – IdeiasQueMarcam».
O concurso tem como objetivo premiar projetos e ideias inovadoras com a oferta de formação e de um valor monetário que apoia o arranque desses projetos.
 
Este ano o «Elevator Pitch – IdeiasQueMarcam» tem um modelo diferente das edições anteriores, dado que a Comissão Europeia vai atribuir dois prémios:
o Prémio «Elevator Pitch – IdeiasQueMarcam», no valor de 6 000 €. Serão contemplados projetos de base tecnológica e digital em áreas como a indústria 4.0 e e commerce, cibersegurança e economia de dados europeia, cidades inteligentes e tecnologias de rede, saúde e bem-estar, agricultura inteligente e economia circular, media e cultura digital, sociedade digital e sustentabilidade e a inteligência artificial; 
o Prémio especial «Democracia Digital», no valor de 4 000 €, que visa destacar projetos de base tecnológica e digital que promovam a capacitação cívica e a participação ativa dos cidadãos na vida democrática. 
 
As candidaturas abrem a 27 de fevereiro e encerram a 25 de março.
Durante o período de candidatura, de 6 a 16 de março, serão realizadas seedcamps. Estas seedcamps são sessões compostas por uma parte de esclarecimentos sobre a preparação das candidaturas e por uma parte de formação e mentoria na conceção do modelo de negócio, e no dia 16 de março, decorrerá uma em Évora, no Parque de Ciência e Tecnologia.
 
Terminado o prazo de candidaturas, serão selecionados 12 projetos finalistas que terão acesso a várias ações de formação, nomeadamente ao Bootcamp. Nesse Bootcamp, serão abordados temas de gestão, fundamentais para a capacitação para o empreendedorismo, o Coaching, onde serão desenvolvidos os modelos de negócio e o Pitch review, oportunidade para as equipas apresentarem o seu projeto a um júri de feedback que tem por função fazer uma crítica construtiva das apresentações, ajudando a melhorá-las antes das apresentações perante o júri da sessão de concurso.
 
Desde a sua criação, o Concurso «Elevator Pitch – IdeiasQueMarcam» tem distinguido ideias e projetos que ganharam um lugar de destaque após a participação no concurso - como é o caso dos projetos Mater Dynamics (2015) ou ainda o BigEye Smart Fishing Software (2016). 
 
Mais informações brevemente em: http://www.bolsadoempreendedorismo.pt/

Ligue-se a nós

 Facebook

 Twitter

 Youtube

 

Financiado por

 
 
 
 
 

Contactos

ADRAL
Rua Intermédia do PITE, 

Lt 4 e 6 7005-513 Évora
Tel (+351) 266 769 159
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.